maranata – Precisamos então interpretar a Bíblia com um “mistério além da letra”, o qual chamamos de palavra revelada –MENTIRA! A bíblia não é uma lei falha, com lacunas, que careça de interpretação por decreto de ninguém, muito menos do pes!

CUIDADO COM “A TÓPICA E A RETÓRICA”

Meus irmãos, não tem mistério em tentar explicar por que passamos por uma formatação tão bem feita, que nos prendeu por longos anos na seita. (Até rimou!!!).

Lavagem cerebral, técnicas de hipnose, mensagens subliminares e argumentações falaciosas englobam todas as modalidades que podem ser usadas, de forma diabólica, para bombardear as mentes das pessoas, convencendo daquilo que se deseja, essa é a verificação!

Vou tentar nesta postagem abrir os olhos dos irmãos com relação a uma delas, bem simples depois que conhecemos, mas que é muito forte para esse propósito: a tópica e a retórica.

Toda exposição de um assunto, seja oral ou escrita, é dividida em três partes básicas, as quais bem sabemos: introdução, desenvolvimento e conclusão.

Pois bem, o mau uso da tópica e retórica emite na introdução e no desenvolvimento verdades, enquanto na conclusão introjeta uma mentira, visando a absorção desta mentira na mente do público alvo. O bom uso dessa técnica é simplesmente ser verdadeiro até o fim do discurso.

A ideia é bem simples: fala-se algo universal, consensual, como chamariz, e para dar uma espécie de confiabilidade ao emissor da mensagem, e depois se desenvolve também com verdades, mas ao fim, aproveitando-se da baixa resistência dos ouvintes ou leitores, argumenta-se falaciosamente. Nesse momento, a atenção e a investigação do receptor devem estar apuradas, para primordialmente evitar que seja impregnada a sua mente com algo que posteriormente vai ser difícil de ser revisto como um erro. Entendeu?

Vou provar agora, usando algumas doutrinas principais da seita icemítica, que os meia-solas usam dessa técnica para disseminar heresias:

Uso os índices: I-introdução, D-desenvolvimento e C-conclusão.

1) I – Todos somos pecadores – VERDADE;
D – O sangue de Jesus tem poder para nos remir de todo o pecado!
“Mas, agora, em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, fostes aproximados pelo sangue de Cristo” (Efésios 2:13) – VERDADE;
C – Então devemos clamar pelo poder do sangue de jesus –MENTIRA! Não há esse ensino na Palavra de Deus, muito menos uma citação sequer de alguém que tenha clamado pelo poder do sangue de jesus na Bíblia.

2) I – Nem todos entendem a Bíblia – VERDADE;
D – “…a Letra Mata, mas o Espírito Vivifica” (2 Coríntios 3:6) – VERDADE;
C – Precisamos então interpretar a Bíblia com um “mistério além da letra”, o qual chamamos de palavra revelada –MENTIRA! A bíblia não é uma lei falha, com lacunas, que careça de interpretação por decreto de ninguém, muito menos do pes!

3) I – Precisamos conhecer a verdade do Senhor para as nossas vidas – VERDADE;
D – “Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade.” (João 17 : 17) – VERDADE;
C – Então devemos usar de consultar à palavra para sabermos se devemos fazer ou não alguma coisa –MENTIRA! Deus não ensina esse tipo de conduta, em abrir a bíblia aleatoriamente, para dizer que Deus fale por meio dessa prática a respeito de algo específico e importante da nossa vida.

4) I – A Graça de Deus é condição “sine qua non” para a sua sustentação em Sua presença – VERDADE;
D – Precisamos conhecer meios para se chegar a essa Graça – VERDADE;
C – Utilizaremos então as madrugadas, jejuns, orações, louvores e a palavra como “meios de graça” – MENTIRA!Graça é favor imerecido. Não precisamos achar que com nosso esforço acharemos graça, já a temos sem merecimento. Além disso, só há um meio de graça, a fé, “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.” (Efésios 2:8).

5) I – Toda autoridade deve ser respeitada e os pastores são ungidos do Senhor. No sentido de “governo”, motivo da unção na Bíblia, pode ser entendida essa afirmação como VERDADE;
D – A Bíblia diz: “Não toqueis nos meus ungidos, nem maltrateis os meus profetas” (Salmo 105:15) – VERDADE;
C – Toda e qualquer atitude do pastor não pode ser questionada – MENTIRA! Essa unção não confere ao pastor um super revestimento, a ponto de ser considerado perfeito em suas posturas.

Percebeu como funciona? Usei algumas expressões um pouco rebuscadas para acentuar o que realmente acontece. A intenção é transmitir conhecimento, superioridade e principalmente confiabilidade para, como já disse, minar a resistência dos desavisados que recebem a mensagem.

Em se tratando da seita maranática, então, abramos bastante os nossos olhos para tais artifícios daqui para a frente. Mantenha a atenção até o fim. Questione, se não tem conhecimento, para que seja provado na Palavra de Deus. Use tal livro como manual de consulta constantemente. Do contrário poderá ser alvo fácil de enormes heresias.

Um abraço fraternal a todos e um ótimo domingo!

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/04/poder-camaleonico/#comment-14044

maranata – nunca vi uma igreja sujar tanto o evangelho quanto a icm-pes: desvios de dinheiro, de conduta, de caráter e o pior de todos os desvios – o da Palavra do Senhor, bem como do Nome do Espírito Santo de Deus, para manipular e subjugar pessoas de boa fé

(Rm. 2.24): “…o nome de Deus é blasfemado entre os gentios por vossa causa.”

É isto CV, nunca vi uma igreja sujar tanto o evangelho quanto a icm-pes: desvios de dinheiro, de conduta, de caráter e o pior de todos os desvios – o da Palavra do Senhor, bem como do Nome do Espírito Santo de Deus, para manipular e subjugar pessoas de boa fé.

Hoje mesmo uma irmã me confidenciou algo sobre sua filha, que já saiu da icm há uns dez anos atrás, e que naquele momento ela não deu nenhum apoio, muito pelo contrário, ficou contra sua filha e cegamente do lado da “obra”.

E o motivo da filha sair?

Nos seus dois últimos de icm-pes ela inventava “dons”, particularmente no culto profético, e nunca, ninguém sequer desconfiou. No início ela falou pra mãe, que fazia pra ser mais respeitada e admirada. Mas com o passar do tempo, passou a não acreditar em mais nada, e que inclusive, tinha a certeza que o Senhor não estava naquele lugar.

Então passou a orar, pedindo ao Senhor, que mostrasse a alguém, que tudo que ela entregava era mentira, mas nada. Muitas vezes seu “dom” foi a direção pro culto. E na hora da bibliomancia? Amém pra suas mentiras.

Resolveu sair… foi pro mundo. E isso, porque a própria mãe não a apoiou a ir pra uma igreja tradicional, como era de seu desejo. Disse pra filha, que lá (na igreja tradicional) não havia salvação, nem o Espírito Santo… seria perda de tempo. Repetiu o que sempre aprendeu nos “reveladas” mensagens da “obra perfeita”.

Hoje, diante dos acontecimentos e acompanhando esse blog diariamente, viu a injustiça que cometeu com sua querida filha.

E agora? Como reparar tudo isso CV?

E ainda tem gente que entra aqui, pra defender essa “obrinha do sinhô”, que separa famílias, destrói sonhos, mata a fé e fecha as portas do Reino dos Céus.

Achavam que iam continuar reinando soberanos… Esqueceram do nosso JUSTO JUIZ, se é que um dia o conheceram.

Não mais enganarão vidas preciosas! Não mesmo!

É tempo de juízo do Senhor!

Paz a todos!


.
Amados,

E ainda dizem que têm a chave da interpretação da palavra revelada além da letra. E contra esses tais pesa a DENUNCIA DE JESUS (Lc 11.52): “Ai de vós, intérpretes da Lei! Porque tomastes a chave da ciência; contudo, vós mesmos não entrastes e impedistes os que estavam entrando.”

Então, de que vale o clamor pelo sangue de Jesus?

Espíritos de enganação e mentiras habitam em icemitas extremamente vaidosos; e depois de tomarem posse de suas almas fazem o querem dentro de um “culto profético”. E ninguém discerne. Demônios são expulsos? Não! Isto não causa indignação? Sim! Quem dentre eles discerne a obra do “deus deste século”?

O meia-sola remendado, ali presente, fica ouvindo mentiras depois da heresia do clamor, consulta mentiras, aprova mentiras e anuncia mentiras para o povo; enquanto o diabo se esgueira pelas sombras e introjeta outras mentiras nos presentes. E os filhos do gedeltismo feitos meia-solas remendados, embriagados exclamam: OBRA MARAVILHOSA! OSSORREVELÔ!

Os seminários são articulados para formatação e introjeção de doutrina revelada além da letra. Então, prometem a excelência da OBRA como caminho para a eternidade e exclusiva porta da salvação; mas andam com astúcias, adulterando as Escrituras e praticando coisas indignas e muito vergonhosas. Como está escrito (2 Co. 4-1-7 – ênfase nossa):

“Pelo que, tendo este ministério, segundo a misericórdia que nos foi feita, não desfalecemos; pelo contrário, rejeitamos as coisas que, por vergonhosas, se ocultam, não andando com astúcia, nem adulterando a palavra de Deus; antes, nos recomendamos à consciência de todo homem, na presença de Deus, pela manifestação da verdade.

Mas, se o nosso evangelho ainda está encoberto, é para os que se perdem que está encoberto, nos quais o DEUS DESTE SÉCULO [SATANÁS] cegou o entendimento dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, o qual é a imagem de Deus.

Porque não nos pregamos a nós mesmos, mas a Cristo Jesus como Senhor e a nós mesmos como vossos servos, por amor de Jesus

Porque Deus, que disse: Das trevas resplandecerá a luz, ele mesmo resplandeceu em nosso coração, para iluminação do conhecimento da glória de Deus, na face de Cristo.

Temos, porém, este tesouro em vasos de barro, para que a excelência do poder seja de Deus e não de nós.”

E o que fazer? Arrependimento! Mudança de vida! Pedir perdão! Quebrantamento!
Naquilo em que a Mãe dessa jovem foi responsável por estimular o erro da filha com suas mentiras, ela deve confessar isto a fim de alcançar o perdão de Deus.
Pois eu lhes afirmo: em um culto profético a POSSIBILIDADE DE ERROS é de 100% (cem por cento).
Paz.

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/03/castigo-definitivo/#comment-13528