igreja cristã maranata – discriminacao narcisismo e orgulho religioso

“Todo aquele que ultrapassa a doutrina de Cristo e nela não permanece não tem Deus; o que permanece na doutrina, esse tem tanto o Pai como o Filho.” (2 Jo. 1.9)  

A boca fala do que está cheio o coração.

Ando cansado desse maranatês medíocre: clamor pela Obra…, homem é falho…, ligados no homem…, momento profético…, não olhem o homem…, o Senhor vai cobrar… Obra como forma de vida… Obra filho único… projeto de Deus para esta Obra… quem sai desta Obra perde a salvação e não leva Jesus nem o Espírito Santo…

Ando cansado de gente irresponsável e negligente que está pastordependente do falso profetismo (assim como o coxo depende das muletas quebradas que ferem os sovacos).

Clichês maranáticos baseados na associação DEUS = OBRA é o comum no maranatês. Neste modo de pensar aquele que ama a OBRA ama a Deus; aquele que segue a doutrina da OBRA, é a Jesus que está seguindo. Este é o entendimento do formatado icemita e enquanto intoxicado com a ideologia OBRA COMO FORMA DE VIDA.

Comece a compreender a mentalidade persuasiva e pseudocarismática do dominador do rebanho. Com essas falsas premissas acontecem coisas e falas que devem ser notadas:

  1. a membresia deduz que desacatar aos mandos e desmandos da liderança religiosa é desagradar ao Senhor. Triste!
  2. cada um desses amados irmãos em Cristo é conduzido à convicção errada que gera opinião errada e muitos preconceitos religiosos.
  3. os icemitas entendem que em tudo dependem dos emissários do presbitério, sem os quais não conseguem encontrar respostas.

Este artigo apresenta frases que NUNCA deveriam ser ditas.

igreja cristã maranata - discriminacao narcisismo e orgulho religioso

igreja cristã maranata – discriminacao narcisismo e orgulho religioso

“Esta OBRA é minha vida e morro por ela e sacrifico minha família por ela.”

“Eu absorvi a OBRA, fui ungido pelo presbitério e como PASTOR DA OBRA sacrifico minha vida pessoal para cuidar de você… e de sua parte espero reconhecimento”.

“Eu não acredito que você esteja com medo desse demoniozinho… leve o oprimido pro anexo e cante uns louvores que este homem se acalma. Depois saia pelo corredor e dá um jeito de ele ir embora… porque ele não vai… ABSORVER A OBRA.”

“Eu preferiria que você não tivesse vindo para esta OBRA.”

“Eu só prego dentro da revelação de OBRA FILHO ÚNICO.”

“Faço tudo por amor a você e nada recebo em troca.”

“Fruto podre?! Não!!! Se você, DEVEDOR DA OBRA, falar assim de novo, te ponho no banco… entendeu?! Tá duvidando do meu DISCERNIMENTO DE OBRA? Tô com 30 anos de OBRA! Te ponho no banco uns 6 meses pra aprender a obedecer… e se você não se consertar eu repito a DISCIPLINA DE OBRA; porque nesta OBRA O MINISTÉRIO ESTÁ ACIMA DOS DONS.”

“Já te disse que somente ESTA OBRA tem uma DOUTRINA PERFEITA. Então, ossorevelô pra você deixar de lado a profissão pra trabalhar nesta OBRA PERFEITA… e nada vai te faltar porque ESTA OBRA… ESTA OBRA… NESTA OBRA … OS FIÉIS VIRÃO PARA ELA.”

“Não quero saber de parentes… parentes são os meus dentes.”

“Não! ESTA OBRA nada tem de avarenta… as coisas são transparentes. Os relatórios enviados batem com a realidade de cada unidade local. Se alguém tem alguma dúvida vá ao presbitério que lá os livros ficam abertos e a contabilidade é feita com transparência. Essa coisa de Ministério Público é encenação. Não existem crimes no PES. Se alguém cometeu crime só pode ser julgado na eternidade porque ESTA OBRA não pode ser julgada pelos homens.”

“O que você quer? Melhor, mesmo, é sair da MESCLA e aceitar a OBRA… porque ESTA OBRA… ah! ESTA OBRA é… não tem outra…. é a ÚLTIMA OBRA!”

“Odeio meus parentes, especialmente aqueles que estão na MESCLA; mas esta OBRA…. Ah! Esta OBRA É FILHO ÚNICO… os fiéis vão vir pra ela.”

“Os dons do Espírito estão operando somente NESTA OBRA. Ah! Nada existe melhor no mundo do que ossorrevelando no culto profético. Eu chego e logo pergunto: tem dom? E logo aparece os dons que direcionam o culto. Dependo dos dons DESTA OBRA. Sem os dons não prego. Você duvida do que eu prego? Estou preso na OBRA e PREGO OBRA!”

“Parentes só servem pra dificultar o ENTENDIMENTO DE OBRA. Não querem me obedecer e nem seguem o meu exemplo de OBRA. Não odeio os parentes que não tem OBRA; mas fico longe deles porque a OBRA É PURA… Só a OBRA tem a mensagem para o mundo.”

“Por que você não é como aquele SERVO DA OBRA?”

“Quando eu era da sua idade, ia a todas as madrugadas, aos cultos ao meio dia, , fazia todos os jejuns e bom aluno na escola; casei-me com mulher de frente da OBRA, fiz mais de cinquenta SEMINÁRIOS DA OBRA ainda ajudo minha mãe a cuidar da casa dela… bom filho né? hehehe.”

“Quem me dera se o Brasil aceitasse ESTA OBRA!”

“Quer saber? Estou ressentido com algumas coisas erradas lá no PES; mas Istoé com eles que perderam a PAIXÃO PELA OBRA. O que eu tenho com isto?”

“Se você sair desta OBRA nunca vai ser nada na vida.”

“Tenho um filho único que era o meu EXEMPLO DE OBRA; mas ele não quis receber a UNÇÃO, desobedeceu a revelação e estuda. Então eu disse pra ele: desobediente não tem vez aqui dentro de casa, porque nesta casa fica quem TEM OBRA. Pode sair!!! Ele saiu, não sei como ele vive e é melhor ficar no mundão do que sair da OBRA.”

“Você, DIÁCONO, está agindo como um bebezinho. Devia sentir-se envergonhado por ser tão infantil. Eu sou modelo de PASTOR DA OBRA… segue o meu exemplo. Eu já fui posto no banco umas seis vezes – número de homem, né?; mas continuo firme nesta OBRA, porque ESTA OBRA É MINHA VIDA.”

“Você, SERVO INÚTIL, não aprendeu o que é OBRA e por isto NÃO TEM OBRA.”

“Você não APRENDEU OBRA e não passa de SERVO INÚTIL. Veio da MESCLA,  mostrou não tem parte nesta OBRA. Está dispensado…. VAI EMBORA!… e não volte pra MESCLA por lá não tem PALAVRA REVELADA…”

igreja cristã maranata - discriminacao narcisismo e orgulho religioso

igreja cristã maranata – discriminacao narcisismo e orgulho religioso

Certamente, V. já ouviu estas e outras frases nos seminários da Obra pela boca do icemita-mor ou de alguns dos defensores dogedeltismo (os quais nada mais são do que emissários do PRD – leia-se: palácio da rainha desfigurada.

Desde o início a ideologia de Obra andou no centro dos errosespalhou o medo, gerou meias-solas mercenários e oportunizou banquete de ladrões. E pasmem! Esta sujeira já chegou ao TJ-ES e ao STF. O Diabo balança o rabo neste poço de iniquidades.Frases como essas NUNCA deveriam ser ditas.

Mas o que fazer com esses intoxicados com a linguagem do não-pensamento geradora de espiritualidade estúpida e mesquinha?! por isso o clamor é notório e público.

Não terá Deus compaixão desses milhares de amados irmãos oprimidos pelo jugo do dominador  do rebanho?

fanático instigado pelo ódio religioso é muito perigoso (fontes seguras nos informam da existência de retirantes marcados para morrer).

O gedeltismo distorceu as Escrituras, errou e continua errando comfalsa unção, falso batismo com o Espírito Santo, falso profetismo,instigação do ódio religioso, meias verdades e muito teologismo.

O mais fácil é inventar “visão” com a justificativa de que os negócios são autorizados por Deus. Destaco a reportagem de A GAZETA – ES:

“Para os maranatas, a visão é um momento espiritual especial. Funciona como uma manifestação divina. Uma revelação. Surpreendemente, documentos colhidos nas apurações sobre os devios de recursos provenientes da Igreja Maranata estabelecem uma ligação entre esse lado espiritual e outro, bem mais material. Notas de compra do lote de documentos investigados trazem a anotação de “visão”, indicando que a transação foi aprovada por conta de um momento espiritual especial.

Isso ocorre, por exemplo, com uma nota de compra de equipamentos eletrônicos para a igreja. A anotação está em um dos recibos investigados por fazerem parte de um esquema de corrupção para desviar recursos provenientes do recolhimento do dízimo, montado na cúpula da instituição.”

O poder corrompe, especialmente o poder religioso. Os fatos mostram que o monarca pseudocarismático, quadragenário e religioso imita o bispo de Roma. O resultado ai está: a iniquidade transborda.

Por fim, o desespero de muitos é que o ninho está sujo… muito sujo.

Pastor usou ‘visão’ para justificar desvio
Envolvido em compras foi preso pela federal
R$ 1,8 milhão doados por deputados à igreja
Igreja contratou sobrinho de presidente
Maranata: “uma igreja que surgiu da luta pelo poder”
Maranata pagou R$ 941 mil em materiais nunca entregues
Milhões arrecadados e livres de fiscalização
Maranata: líder da igreja é investigado

Suspeita de crimes federais serão investigados

Porém, o amor de Deus vai além, muito além do grande mal que meias-solas mercenários fazem contra eles mesmos e contra o rebanho do SENHOR.

Simplesmente espero na compaixão de Deus para curar as feridas dos milhares de amados crentes em Jesus ainda de presos neste sistema.

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/11/discriminacao-narcisismo-e-orgulho-religioso/

igreja maranata – Pois é. Não adianta usar saias e ter o coração sujo, podre. Por fora aparência de piedade e por dentro sepulcro caiado! A nossa vida tem que exalar o bom perfume de Cristo!

CV e irmãos, a paz do Senhor Jesus!

Quando me retirei da icm sofri preconceitos do tipo: “saiu da obra”, “ela caiu”, “é uma pessoa difícil”. Além de chegar aos meus ouvidos estes comentários, muitos nem me cumprimentavam e viravam o rosto.

Num determinado dia, estava no centro da cidade, quando me deparei com alguns da icm, quando me viram de calça, mudaram para o outro lado da rua. Entrei no banco e meu coração quase saltava pela boca e a vontade de chorar era imensa. Foi então que orei à Deus em pensamento:

– Ah… Senhor… fale comigo, eu preciso que o Senhor fale comigo, se estou certa ou errada, me mostre alguma coisa, meu pai!

E para a minha surpresa…. Deus falou naquele momento !

Enquanto aguardava em pé na fila, uma mulher que estava atrás de mim, me tocou e disse assim:
– moça, você é evangélica?
– sim, graças à Deus eu sou, porque?
– porque, o seu jeito demonstra .
– ah… que bom! Você não sabe o quanto fico feliz em ouvir isso!
– Olhando para você, percebe que você é crente!

Irmãos, eu fiquei tão feliz, tão feliz, pois Deus tirou toda dúvida que existia em mim a respeito de uso e costume. Aproveitei a oportunidade e falei de Jesus para aquela mulher.

Pois é. Não adianta usar saias e ter o coração sujo, podre. Por fora aparência de piedade e por dentro sepulcro caiado! A nossa vida tem que exalar o bom perfume de Cristo!

Icemitas, leiam mais a palavra de Deus e sejam libertos das tradições dos fariseus!

A paz!

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/06/discriminacao-e-preconceitos/#comment-18275

igreja cristã maranata – mulheres reajam, denunciem,não tenham medo, onde já se viu uma mulher em um país livre como o nosso, ser discriminada por usar CALÇA!!!! o que é isso?

Para todas as mulheres que postam aqui.
Rosa eu li sobre o que vc escreveu, em relação as irmãs que estão sozinhas na ”TERRA DE NINGUÉM”.
Acontece o seguinte:as irmãs que que os maridos não são convertidos ou frequentam outra igreja, o lar é chamado de ”DIVIDIDO”, mesmo que o casal se ame e se trate muito bem não interessa o lar é ”DIVIDIDO”.
E se a irmã for educada ou muito simpática tá perdida, porque e ai que eles falam mesmo porque vc ”TEM QUE SER MAL EDUCADA PARA ESTAR NO PADRÃO” porque se não vai sofrer a discriminação.
Agora defendo a reação: IRMÃS NOS TEMOS QUE SER REAÇAS,POLITIZADAS, ESCLARECIDAS DAS LEIS AO NOSSO FAVOR COMO MULHERES.
ONDE JÁ SE VIU UM ABSOLUTISMO DESSE!!!
Deixo aqui este comentário, mulheres reajam, denunciem,não tenham medo, onde já se viu uma mulher em um país livre como o nosso, ser discriminada por usar CALÇA!!!! o que é isso?
”DEVE HAVER ALGUM LUGAR, ONDE O MAIS FORTE NÃO CONSEGUE ESCRAVISAR QUEM , NÃO TEM CHANCE”
Graça e a paz!

.
.
Amados, existe esse leque de proteção à mulher.

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/leque-de-protecao-a-mulher/

Coisas que apaixonam (mas intoxicam e predem): cultos proféticos, “experiências”, massagens do ego e especialmente as profetadas e as revelagens…

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/05/apaixonei-me-pela-obra-e-agora/

Existe este lugar onde todo joelho se dobra e toda língua confessa que Cristo é “o Senhor de todos” (cf. At. 10.36; Rm. 10.12):

http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/04/lavando-os-pes/

CV.

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/06/discriminacao-e-preconceitos/#comment-14861

maranata – Mesmo após muito sofrimento, choro e súplicas por parte dos noivos,os pastores meia-sola da seita não permitiram que se casassem na igreja.

CV, a Paz do Senhor! Permita-me deixar mais um comentário.

Gostaria de falar a respeito da discriminação e preconceitos cometidos pela seita ICM contra viúvos e viúvas que ali congregam. Não sei se em todas as regiões os pastores desta “igreja” agem da mesma maneira, mas na região onde moro, quando um viúvo ou viúva que congrega nesta “igreja” quer se casar novamente, não permitem que o matrimonio aconteça no templo. Ou seja, o culto de casamento só pode ser realizado em um salão ou sítio, o qual é alugado com todas as despesas correndo por conta do casal.

Não sei em que passagem da bíblia eles se fundamentam para tal discriminação, pois a Palavra de Deus é muito clara quando diz que tanto o homem quanto a mulher fica livre para se casar novamente ao falecer a esposa ou o marido (ICor.7:39). Sendo assim, nenhum dos dois comete adultério casando-se novamente (Rm.7:2-3).

Sabem de uma coisa, às vezes fico a pensar que esta seita tem uma bíblia diferente, só deles. Então acrescentam e tiram o que querem para sua conveniencia. Conheço um casal que era desta “igreja” e na época, a irmã era solteira e muito dedicada nesta seita ICM, com várias atribuições. Ela começou a namorar com um irmão desta “igreja” que era viúvo, ficaram noivos e resolveram se casar e um dos maiores desejos da vida desta irmã era se casar na igreja, de vestido de noiva e tudo o mais que se tem direito e que toda noiva almeja.

Sabem o que aconteceu? Mesmo após muito sofrimento, choro e súplicas por parte dos noivos,os pastores meia-sola da seita não permitiram que se casassem na igreja. E é bom que fique claro tambem, que os noivos não deram nenhum motivo para que fosse tomada esta infeliz atitude. E quando os noivos perguntaram aos pastores meia-sola o porque daquela discriminação, não souberam lhes responder.Os noivos chegaram até mesmo a indagá-los e que lhes mostrassem na bíblia onde estava o texto no qual eles se baseavam para tal atitude, mas de nada adiantou. Simplesmente lhes disseram assim: a “obra” não faz casameto de viúvos em templos. Concluindo, os irmãos tiveram que pagar o aluguel de um sítio para que o culto de casamento fosse realizado. Um abraço a todos e fiquem na PAZ do SENHOR!

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/06/discriminacao-e-preconceitos/#comment-14642

maranata – Para que eu quero uma oração dessas? Que Deus é esse que se serve na maranata? Onde está a fé? E que evangelho é esse? Era isso que Jesus dizia para alguém que o procurasse?

ORAÇÃ INUSITADA II

Certa vez eu estava sentindo muita dor. Coisa muito comum em uma pessoa com deficiência motora mas dessa vez a dor insistia por muitos dias, interferindo no meu humor e desempenho profissional.

Após o culto resolvi pedir oração ao pastor. Claro que a gente faz esse pedido cheia de esperança. Vejam o que o pastor me falou:

“Eu vou orar por você para que você aceite a viver assim, que você saiba conviver com esse problema porque ele não tem jeito.”

Irmãos, eu fui tão bobinha que deixei ele orar assim mesmo.

Eu pergunto: Para que eu quero uma oração dessas? Que Deus é esse que se serve na maranata?
Onde está a fé? E que evangelho é esse? Era isso que Jesus dizia para alguém que o procurasse?

Agora vou fazer a mesma pergunta que o Gedelti fazia gritando no púlpito do Maanaim:

É ESSE EVANGELHO QUE VOCÊS QUEREM?

Amados que leem esse Blog, estou lendo o livro indicado pelo CV, “Curai enfermos e expulsai demônios” e digo a vocês que é muito bom que todos nós que estamos no libertando do jugo maranático o leiam também.

É um livro muito esclarecedor e fala sobre o Evangelho poderroso e puro de Jesus que veio para nos salvar mas TAMBÉM curar. Pastores, especialmente, precisam ler e praticar o que é ministrado nos capítulos deste livro.

Jesus não diz para nenhum enfermo se conformar com a dor. Ele curava a todos e comissionou seus discípulos a fazerem o mesmo: “curar os enfermos e expulsar os demônios”.

Aliás, certa vez o demônio entrou na minha “unidade local” e ninguém teve autoridade para expulsá-lo. Não será porque Jesus estava ausente? Ou será porque a obra!, obra!, obra!, realmente não tem poder nenhum?

É ESSE EVANGELHO QUE VOCÊS QUEREM?

A paz do Senhor Jesus a todos.

Eurípia Inês (nesses dias em Vitória-ES).

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/06/discriminacao-e-preconceitos/#comment-14588

igreja cristã maranata – A verdade tem que ser dita com todas as letras e bem grande A MARANATA É RACISTA, MALTRATA DEFICIENTES E É PRECONCEITUOSA em todos os sentidos

Atenção, icemitas, este artigo fala de discriminação e preconceitos que a maranata pratica descaradamente.
Portanto, leiam por favor os relatos, principalmente de Eurípia Inês, onde ela mesma foi humilhada por ter deficiência, surdos desconsiderados…
Essa obra alem de mentirosa é preconceituosa.
A verdade tem que ser dita com todas as letras e bem grande A MARANATA É RACISTA, MALTRATA DEFICIENTES E É PRECONCEITUOSA em todos os sentidos

fonte:http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/06/discriminacao-e-preconceitos/#comment-14429

igreja cristã maranata – “Ora para o Senhor salvar um aleijado pra se casar com você.”

Irmã “Preciosa para Deus”, que história mais linda a sua!

Não sei se você leu alguns comentários meus mas eu também tenho uma deficiência física e, como você e seu marido, eu sonhava em me casar na maranata. Veja o meu grau de ingenuidade achando que um rapaz “perfeito”, desta igreja, ia se casar comigo.

Eu era totalmente iludida.

Olha o que eu ouvia:
“Ora para o Senhor salvar um aleijado pra se casar com você.”
“Como que vai ser…?”
“Deficiente quer ter filhos só para depois os outros cuidarem.”
“Tadinha, ela desse jeito! É muito difícil.”

Irmã, hoje eu agradeço a Deus por não ter me casado com irmão da maranata. Eu realmente não ia suportar conviver com tantos preconceitos e mente pequena.

Muito boa sua postagem. Que Deus continue abençoando seu lar e que vocês possam dar exemplo a todos que uma deficiência não incapacita ninguém para o amor.

E, se tem algum irmão lendo o Blog e for solteiro, viúvo ou divorciado e, claro, não seja formatado e preconceituoso, estou recebendo currículos…rsrsrs. Se é que o CV permite…

A paz do Senhor Jesus a todos.

Eurípia Inês.

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/06/discriminacao-e-preconceitos/#comment-14015