igreja maranata – Desvendando o MAL – “Mistérios Além da Letra”

 

DESVENDANDO O MAL

 

 

Desvendando o MAL – “Mistérios Além da Letra”

De plano, já quero tranquilizar os irmãos, pois não abordarei aqui textos bíblicos utilizando a visão extrapolante do jeito maranático de ser, mas evidenciar o poder fulminante e definitivo da “letra” do monarca pseudocarismático sobre os formatados.

Meus amados, o apelido da Bíblia é Palavra de Deus, porque a consolidação dos livros (significado de bíblia) expressa em seu conteúdo aquilo que sai da boca do seu autor. Não estamos obviamente nos referindo aos instrumentos usados para repassar o que ouviram da boca do Senhor, mas sim ao próprio Deus, o qual ensejou efetivamente a transmissão de uma herança aos seus descendentes, inclusive justificando divisão em testamentos, e que nenhum dos homens usados para a escrita dos livros teria um bem tão valioso, que pudesse alcançar toda a humanidade: a Eternidade! Não é mesmo?

Pois, a análise então, principalmente para aqueles que permanecem no ninho sujo, preferindo se acovardar a ganhar a liberdade em Cristo, ou até mesmo entendendo equivocadamente ser a única alternativa, ficar, é de usar o instinto investigativo de buscar o “além da letra” também com aquilo que sai da boca do seu líder, gedeuspapa, o grande!

Vamos analisar então algumas expressões muito usadas pelo comendador e que infelizmente são repetidas nas diversas estações locais de retransmissão de “pedradas”:

  1. “obra filho único” – em outras palavras, isso significaria “unigênito”. Já conseguiu perceber a maldade? Ainda não? Veja o texto bíblico: “Porque Deus amor o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pareça, mas tenha a vida eterna. (João 3:16). Jesus é unigênito, filho único de Deus, e quem nele crê alcança Eternidade. O que essa seita maligna tenta incutir na mente do formatado é que há geração de algo paralelo a Jesus, que portanto deixaria de ser o unigênito, ou ainda o pior, deseja-se expressamente TOMAR O LUGAR DO SENHOR, QUE DEVE SER ÚNICO NA TUA VIDA, ICEMITA!
  2. “servo inútil” – outras variações são “devedores”, “mordomos”. Meus irmãos, são usados textos bíblicos, de forma sorrateira e cruel, para tentar provar subliminarmente que nós devemos muito, e como não merecemos essa “obra”, precisamos fazer aquilo que podemos e até com esforço sobre-humano para pagar a nossa dívida. Aí, meus irmãos, não tem outro entendimento não: METEMOS A MÃO NO BOLSO E OFERTAMOS “VOLUNTARIAMENTE” DÍZIMOS E DOAÇÕES, PARA DIMINUIR UM POUCO ESSE DÍVIDA, ALÉM DE DOARMOS QUASE TODO NOSSO TEMPO PARA A “OBRA”!
  3. “entendimento de obra” – essa “pedrada”, quando repetida nas diversas unidades da seita, discriminando incisivamente aquele que não se sujeita à política DON (Doutrina, Ordens e Normas) exatamente como quer o pes, faz com que todos sejam tomados por um verdadeiro pavor de largar a denominação, apelidada de “obra” por seu gedeuspapai.
  4. “se alguém sair, não vá atrás não” – o dominador falso do rebanho do Senhor ainda acrescenta que nem ele, se sair, como se isso pudesse acontecer um dia, não deverá ser procurado. Cito a parábola da ovelha perdida: “Quem de vós que tem cem ovelhas e perde uma, não deixa as noventa e nove no deserto e vai atrás daquela que se perdeu, até encontrá-la?” (Lucas 15:4). Ele nunca, do “verbo” NEVER, vai sair, por isso faz essas declarações, mas a intenção é que o formatado não seja alcançado pela verdade encontrada naquele que se libertou do maranatês e conseguiu se retirar, mantendo total isolamento deste último!

As estratégias são maquiavélicas. Muitos já enxergaram isso. Falta você, icemita. Seja um ex-tolo como nós. Aliás, com o advento da maioridade espiritual, todos, no tempo de cada um, deixam diversas tolices para ingressar no mundo mais perto do bom senso, não é mesmo?

Pense nisso!

A Paz do Senhor a todos!

fonte: http://diganaoaseita.wordpress.com/desvendando-o-mal-misterios-alem-da-letra/

maranata – Não toqueis nos meus ungidos

Irmãos

Não sei se este assunto cabe ao tópico, mas achei interessante. Sobre o jargão “Não toqueis nos meus ungidos”.

Este site trás um estudo bem claro sobre o abusivo de pastores usando isto como subterfúgio.

http://www.jesussite.com.br/acervo.asp?Id=1276
Abaixo estão algumas partes que achei bem interesante:

“4. Por sua vez, a expressão “seu ungido”, ocorre onze vezes no texto hebraico do Antigo Testamento e uma única vez no texto grego do Novo Testamento. Estas onze referências estão assim distribuídas:

” 5 vezes fazem referência ao Ungido como o esperado Messias de Israel.
” 3 vezes fazem menção a Saul.
” 1 vez diz respeito à Eliabe, irmão de Davi.
” 2 vezes a citação é referente ao rei Davi.
” 1 vez ao imperador dos Medos, Ciro.

Desta maneira fica fácil notar que quando não se refere ao Ungido que representa o Senhor Jesus, os textos falam de homens que foram tão pecadores como qualquer um de nós. A unção para ser rei sobre o povo de Israel, conferida a Saul e a Davi, não era nenhuma garantia de que aqueles homens estavam imunes do poder do pecado, ou que não poderiam ser criticados e que estariam completamente isentos da disciplina de Deus. Ver a lista completa de versículos que trazem a expressão “seu ungido” no final deste artigo.

7. Pastores abusadores adoram subir nos púlpitos e disparar contra aqueles que consideram seus desafetos. Este é sem dúvida um dos piores atos que um pastor pode praticar: usar o tempo que deveria ser gasto para edificar o povo de Deus para resolver diferenças pessoais, muitas vezes com uma pessoa somente. Pastores abusadores sabem que o púlpito é prerrogativa exclusiva deles ou de quem eles convidam, portanto, sentem-se à vontade para maltratar as pessoas a partir daquela posição vantajosa. Quando sobem ao púlpito para agredir a quem quer que seja, os pastores abusadores demonstram apenas que são grandes covardes e como tais são dignos de uma coisa somente: desprezo absoluto.”
.
.
Boa a relação de vídeos indicados pelo Fred
em 08:05 às 10:38 no artigo Apaixonei-me pela OBRA! E agora???
Baixem…
CV.

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/03/fabrica-de-meia-solas/

testemunho servo maranata

Em primeiro lugar a paz do senhor: Quero parabenizar o amigo CV pelo esforço em trazer os artigos enviados pelos irmãos que sairam da icm, para que aqueles que se encontram enclausurados possam ler os testemunhos, e refletirem sobre o que está acontecendo.

A icm é isto, e não vai mudar, é a única igreja que tem pobre soberbo, que deixa de comer para viver de aparências. tudo em nome da obra do geldeti.Graças a Deus que estou liberto juntamente com a minha família.

Pois a icm é uma verdadeira prisão, em especial para os pobres coitados dos jovens e adolescentes, que não conhecem nada, porque são formatados á viver exclusivamente uma vida irreal. Pois a verdadeira vida está em Jesus Cristo o nosso salvador, e não a tão idolatrada obra do geldeti.

Continue firme caro CV, pois através de seu blog muitas vidas se voltarão para o verdadeiro evangelho de Jesus Cristo.Quando a minha esposa tomou conhecimento dos fatos, ela entrou em depressão, pois foram 12 anos que ela estava sendo enganada. foi triste no ínicio, más agora ela já superou, e hoje estamos muito felizes congregando na Assembléia de Deus, pois hoje conhecemos o verdadeiro evangelho, e encontramos a verdadeira paz, o verdadeiro amor ao próximo, e principalmente felizes por estarmos servindo ao Deus vivo e misericordioso.

CV que Deus continue iluminando seus caminhos,operando em sua vida, pois através de você e todos que contribuem com testemunhos no seu blog muitos icemitas conhecerão o verdadeiro caminho, que é Jesus Cristo e não a “obra de geldeti”, que é a obra de satanás: Destruir lares,casamentos, instigar ao ódio religioso, fazer acepção de pessoas,doutrina do medo e etc….

Que Deus lhe abençõe. A paz do senhor. por favor poste o meu comentário

from http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/01/nao-se-turbe-o-vosso-coracao/