igreja cristã maranata – todo dito templo tem um, diríamos, “olheiro”. O papel deste é sempre levar para o chamado pastor (que nada pastoreia), as informações das pessoas: quem está obedecendo, quem não está, quem questiona, quem cumpre tudo que o chefão mandou

Amados,

Ontem estive em uma igreja para assistir uma palestra e, e em um dado momento, uma serva
começou a falar de suas experiências com Deus.

Fiquei ouvindo aquela irmã acerca de vidas que ganhou para Jesus em lugares tão difíceis ao nossos olhos. Esta irmã ouve a voz de Deus e vai sem temor algum, sem preconceitos, com o coração cheio de amor. Ora, jejua por estas vidas e Deus dá a vitória.

Fiquei pensando acerca dessas experiências e lembrei-me que nas organizações maranata, ao contrário, quando as vidas estão com problemas eles correm e ainda transfere o problema para a pessoa, julgando-a. Começam acusando de que, se está com problema, é porque não cumpre as revelações do PES, falta fé, não vai a madrugada, ao culto meio dia, não limpa a igreja, não participa disto ou daquilo.

Enfim, como não existe amor pelas almas, e ninguém vai orar ou jejuar pelo outro mesmo, eles simplesmente transferem o problema. E isto acontece entre eles mesmos, já que a organização só existe para eles; já que não saem em busca de almas necessitadas. O máximo que fazem é se esmerar em dar atenção a quem chega para ter mais um para a aumentar a estatística, e, quando já conseguiu torná-lo membro, coloca para trabalhar para as organização. Mas, esta pessoa tem que caminhar sozinho, pois se reclamar alguma coisa, é tachado de crente dodói, chato, etc…

Este é o esquema. Jamais a pessoa que faz parte desta organização terá um comportamento como o da serva, a qual relatou experiências maravilhosas. Sabe porque? Porque este não é o objetivo da organização. Mesmo que alguém tente viver uma vida espiritual, Deus mostre para ir aqui ou acolá, são instruídos a não fazer, porquanto só é permitido cumprir a liturgia preparada pelo PES.

Sempre terá alguém para tomar conta (todo dito templo tem um, diríamos, “olheiro”). O papel deste é sempre levar para o chamado pastor (que nada pastoreia), as informações das pessoas: quem está obedecendo, quem não está, quem questiona, quem cumpre tudo que o chefão mandou, etc…

E com isto vai, dia após dia, sem que nada aconteça de bom na vida das pessoas, leva-se anos cumprindo o que o chefe manda; e, quando percebe, a vida passou e tantas coisas foram deixadas de lado: familia, estudos, e o pior: nada se aprende além do que ensinam lá (Palavra de Deus totalmente manipulada) e, quem um dia soube amar, acaba desaprendendo, já que não é a prioridade da organização.

Amados, quem já esteve nesta organização e saiu, pode comprovar tudo isto.

Escrevo, tentando ajudar aqueles que ainda estão lá presos e não conseguem sair. Entretanto, posso dizer a estes, que se detiverem um olhar mais crítico na rotina deste sistema, decerto deparar-se-ão com uma triste realidade. E dar-se-ão contas de que, realmente, nada que se faz ali tem como objetivo o cumprimento do Evangelho genuíno. Ali é apenas um lugar que alimenta egos. Onde alguns enriquecem. Onde discriminam a muitos, matam o amor a Deus e ao próximo; e os desviam da salvação em Cristo Jesus.

Tudo muito arrumadinho, com aparência de perfeição, escondendo intenções jamais imaginadas.

Pensem nisto, já que o que está em jogo é algo de muito precioso para a nossa alma: a salvação.

Fiquem na paz

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/11/a-falsa-uncao-gera-morte/#comment-15482

maranata – eu pedia ao Senhor para me proteger e para me livrar daquele que deveria ser um amigo e ajudador: o pastor da “unidade local”.

Amados irmãos e CV,

Olhem que oração inusitada!

Certa vez, eu ia para um culto de evangelização em uma escola onde havia muitos alunos surdos que eram meus queridos.

Antes de sair eu fui para o quarto, ajoelhei e fiz a seguinte oração:

“Senhor, tu sabes o que eu vou enfrentar, me proteja do pastor. Não deixe que ele me maltrate. Eu não posso ficar mais triste e humilhada do que já estou. Não tenho mais forças”.

(Era o dia 26/03/2010. Esta oração consta de um e-mail que enviei a determinado pastor que me ajudava. No final desse e-mail dizia a ele: Eu não consigo entender isso na nossa igreja. Será que um dia isso vai acabar?)

Quando estava me dirigindo para a escola é que fui me dar conta da oração que havia feito. Senti uma tristeza muito grande ao perceber a que ponto havíamos chegado. Ao invés de pedir livramento dos lobos, do inimigo ou de acidentes, eu pedia ao Senhor para me proteger e para me livrar daquele que deveria ser um amigo e ajudador: o pastor da “unidade local”.

Que contradição! Alguém já viu coisa igual? Meu pastor um lobo! O que me enlouquecia era não entender porque acontecia essas coisas dentro da igreja e sem nenhum motivo. Eu nada fazia que justificasse esse injusto e insano tratamento.

Irmãos, icemitas, leitores em geral, era assim que eu vivia na maranata. Que tristeza!!!

A paz do Senhor Jesus a todos os queridos.

Eurípia Inês.
.
.
Eurípia, eu me recordo de uma oração no mesmo sentido (Sl. 13.1,2): “Até quando SENHOR (…) Até quando estarei eu relutando dentro de minha alma, com tristeza no coração cada dia? Até quando se erguerá contra mim o meu inimigo?”

Era Davi, há uns três mil anos, na sua oração. Parece-me a oração de amados irmãos em Cristo padecendo afrontas debaixo do inimigo: o jugo maranático. Este jugo confere autoridade eclesiástica aos meia-solas para esfolar o povo com meias verdades, profetadas e revelagens. Sem conta!

Interessante é o centro desta oração (v. 3,4 – ênfase nossa): “Atenta para mim, responde-me, SENHOR, Deus meu! Ilumina-me os olhos, para que eu não durma o sono da morte; para que não diga o meu inimigo: Prevaleci contra ele; e não se regozijem os meus adversários, vindo eu a vacilar.”

Neste ponto Davi compreendeu que a mudança NÃO estaria em Deus; a mudança NÃO estaria na mente dos inimigos de sua alma. A ATITUDE DEFINITIVA e geradora de MUDANÇAS dependeria exclusivamente do adorador. Sem atitude e determinação de mudanças Davi morreria mesmo (o original fala de morte).

O que muitos icemitas honestos custam a compreender é que a ICM-PES não passa de maranatismo monárquico, pseudocarismático e quadragenário. Eclesiasticismo forte em heresias e mitos. Forte em falsa unção. Forte em profetadas e revelagens. Por isso mesmo nem é evangélico, nem pentecostal, nem protestante na exata acepção desses termos.
.
http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/11/a-falsa-uncao-gera-morte/
.
Ora, emocionalmente envolvido com algo “além da letra” e místico alguém diz: “aqui Deus fala!” Acreditando que profetadas têm o aval de Deus; ou então: “aqui a palavra é revelada!” Entendendo que ao meia-sola remendado basta o jargão: “ossorrevelô que esta Obra veio da eternidade” como se o chefe religioso conseguisse esconder, por mais tempo, a antiga briga pelo poder que provocou o êxodo de alguns presbiterianos rebeldes que deram início à imaginada “Obra Maravilhosa”. Desde quando o bairro da Toca, em Vila Velha-ES, veio da eternidade?
.
http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/04/poder-camaleonico/
.
Ora, com o despertar para a realidade alguém, como Eurípia, começa a perceber que o inimigo maior não é a bengala, a doença, a falta de acesso melhor, a limitação física, o assaltante… nem o demônio: é o emissário do palácio da rainha desfigurada que a discrimina, obstaculiza e ridiculariza. Ele deveria ser o pastor mas não consegue (o dono da sapataria detesta pastores segundo o coração de Deus; mas fabrica meia-solas com barbante, cera e sovela para manutenção da monarquia e dos negócios…).
.
http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/03/fabrica-de-meia-solas/
.
Para o inimigo não importa o sofrer do outro, pois a OBRA vem em primeiro lugar. O ânimo do fariseu preconceituoso é contra a bengalante indefesa (incapazes e necessitados não são bem visto na Obra). E pior: a bengalante incomoda e luta contra o sofrimento. Se nada obtém de benefícios com a mesmice do culto frio, herético e sonolento, ao chegar em casa ela adora e cultua o Eterno e Todo-Poderoso ali mesmo (mas longe da presença do inimigo). No entanto, o envolvimento emocional é intenso e ela ainda demora, até que o momento crucial: ATITUDE!

Por fim, o divisor de águas: “que eu não durma o sono da morte”.Davi compreendeu: Deus não mudaria; o inimigo não mudaria; mas a atitude dependeria dele, exclusivamente: ver-se livre da morte. Eurípia compreendeu: ela fugiu do ninho sujo…

Que final feliz para Davi (v. 5,6): “No tocante a mim, confio na tua graça; regozije-se o meu coração na tua salvação. Cantarei ao SENHOR, porquanto me tem feito muito bem.”

Que final feliz para os que DECIDEM não mais continuar à mercê de inimigos de suas almas.
.
http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/02/decididamente-nao-ficarei-no-ninho/
.
http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/11/fuja-crente-nao-seja-cumplice/
.
Retirantes! Não olhem para trás, como está escrito (Lc. 9.62): “Mas Jesus lhe replicou: Ninguém que, tendo posto a mão no arado, olha para trás é apto para o reino de Deus.”

CV.

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/06/discriminacao-e-preconceitos/#comment-14541

maranata – Graças a Deus que fui liberta de lá. No início achei que meu corpo iria encher de bolinha, porque eles rogam praga em quem sai.

Eu também já fui um maranata. Graças a Deus que fui liberta de lá. No início achei que meu corpo iria encher de bolinha, porque eles rogam praga em quem sai. Mas, graças a Deus não aconteceu nada, porque a praga deles não pega em ninguém, eles só fazem terrorismo. Esse pr. Gedeuti é um terrorista. Fico com pena dele agora, ter que ir numa delegacia depor, explicando o sumiço desse dinheiro todo. Hoje sou feliz frequentando a igreja presbiteriana, dou risada de alegria por ter Jesus e não vivo mais de cara carrancuda e nem fazendo acepção das pessoas, como eu fazia lá. Oh Glória! Deus é bom demais!!!

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2010/07/a-conspiracao/comment-page-4/#comments

maranata – quem ficou 10,20,30,40 anos nesta seita rezou a mesma coisa igual os católicos rezam o terço.

Tristes lembranças.

Quando encurralada no “beco sem saída”, observava que todo mês as circulares eram cópias. Ou seja quem ficou 10,20,30,40 anos nesta seita rezou a mesma coisa igual os católicos rezam o terço.
O que mais me incomodava era que sempre se orou por coisas ou grupos (funções) e quase NUNCA por pessoas.
Exemplo orar…
.pela Obra……………………………..coisa
.pelo PES e comissão executiva;…………..coisa
.pelos maanains e próximos seminários;…….coisa
.grupos constituídos…………………….coisa
.preservação dos ministérios……………..coisa
.culto da noite…………………………coisa
.fortalecimento das doutrinas??????????……coisa
.famílias (grupo)……………………….coisa
.aperfeiçoamento dos dons(não o são?)……..coisa
coisa, coisa, coisa, coisa, coisa, coisa, coisa,..

E os irmãos e suas necessidades?
Ah! Esses são só pra serem usados e explorados pelo PES? É mesmo muita lavagem cerebral para não perceber que são usados por quem não se preocupa com a ovelha que pode estar ferida, doente, fez cirurgia, perdeu um ente querido, dentre tantas outras aflições e tristezas.
A frieza e distância do Evangelho de Jesus é tanta que tornam essa liderança cega ao ponto de não enxergarem nem o ridículo que é passar 40 anos com a mesma circular de oração mensal(terço).

E o nosso Senhor criador dos céus e da terra e tudo o que neles há, retira alguém para construir uma ponte que leva não a um novo caminho mas para nos ajudar a voltar ao ÚNICO E VERDADEIRO CAMINHO, nosso AMADO JESUS CRISTO.
Como sou feliz por isso e a cada um de vocês que entrarem aqui que ainda não sentiu essa felicidade eu digo: Experimentem!
Leiam os artigos, meditem, confiram na palavra, leiam também os comentários porque são de pessoas como você que um dia estava presa a um sistema que ditava até a forma de você orar. Isso é muito invasivo.
Deixe-se libertar! Viver com Jesus é maravilhoso. Ele é manso, é suave, é bom infinitamente.
NINGUÉM pode tirar isso de você, de mim, de nós.
A nossa conversa com Deus não deve ser ditada por homens e muito menos por 90 dias(novena)

Seja livre, livre, livre,…

Que o Senhor Jesus esteja convosco.

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2010/09/clamor-errado-na-hora-errada/#comment-12844

maranata – Infelismente ainda tenho muitos parentes e familiares envolvidos nessa seita. Não gostaria que eles sofressem mas não vejo outro destino enquanto eles continuarem nesse caminho do engano, e dominação da mente.

Fui participante desta tão propalada “obra” desde criança levado pela minha mãe(já se vão ai uns bons vinte anos)e sempre fui rotulado e execrado como o tal cabritinho,aquele que não aceita a “revelação” a palavra do santo homem que tudo sabe e tudo vê, pois nunca engoli certas revelagens e profetadas que me tentaram enfiar goela abaixo.

Sempre achei que Deus me deu dicernimento sobre o certo e o errado, o moral e o ético e isso sempre bastou para pautar minha vida no caminho da retidão e na formação do meu carater. O que mais me matava de raiva era aquele olhar de pena sobre mim, tadinho ele não alcançou a revelação, ele questiona tudo, é um pobrezinho. Pois bem, nessa de revelação eu vi adulterios sendo cometidos, vinganças, peseguições, abusos psiscológicos e físicos, preconceitos (de raça, classe social e etc), robalheiras (pequenas e grandes) e muita cara de pau desse senhor (pastor Deus é ti) que se intitula o dono da verdade, o principe da palavra revelada(a foto dele com pescocinho de lado e soriso maroto na delegacia foi cômica).

Sera que ele estava tão alheio a tudo que estava acontecendo? e a tal revelação? So serve pra ver quem chegou queimado de praia e não vai poder tocar, ou pra quem não da o dizimo fielmente? Bem só sei que ele contratou o advogado mais caro do estado (…) e duvido que Deus é ti vai pagar do bolso dele… Haja dizimo galera.

Infelismente ainda tenho muitos parentes e familiares envolvidos nessa seita. Não gostaria que eles sofressem mas não vejo outro destino enquanto eles continuarem nesse caminho do engano, e dominação da mente.

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/12/banquete-de-ladroes/comment-page-3/#comments

maranata – Para começar o assunto não queria estar viva para ver o que esta acontecendo na ICM

Sei que muitas pessoas lerão esse comentario.

Para começar o assunto não queria estar viva para ver o que esta acontecendo na ICM.
Sou jovem, nasci na obra, todos meus parentes e familia sao da obra estou há 22 anos. No meu aniversario de 18 anos fui ate a igreja orar pelo meu aniversario, meu pai, um trabalhador com 4 filhos para criar ha mais de 20 anos na obra nao pode pagar o dizimo pois estavamos apertados. Descobri nesse dia que ela não poderia orar pois estava afastado. isso é necessario?
Deus e unico que conheçe nossa dor, nosso sofrimento e hoje que que eu vejo? varias pessoas usando o dinheiro do dizimo para gastar como bem entendem. Eu nao sei como tem coragem de mecher no dinheiro que é dado pelas pessoas trabalhadoras. Como tem coragem de usar o nome de Deus???
Quando era criança vi a vida toda minhas avos colocando vasos de flores no pulpito e nao pude nem tocar pq nao era Senhora. E como fica a minha familia? Em quem acreditar? sera que todos meus ensinamentos eram verdadeiros? todas visoes que ouvi na vida eram verdade? eu nao sei qual igreja recorrer. Sei que Deus sabe e ve tudo e tenho certeza que isso não ficara impune. Amo ir no mannaim e agora como fica?
.
.
“Para começar o assunto não queria estar viva para ver o que esta acontecendo na ICM.”

Olá, Andressa, graça e paz

A máscara caiu. Leia e mostre a quem interessar possa

Investigação chega a líderes da Maranata
http://www.youtube.com/watch?v=U4egV1Z5lrg&feature=related
.
Maranata da fe a fraude
http://www.youtube.com/watch?v=Q3xi0RLcRhw&feature=related
.
LAMENTÁVEL!!!

Não tenho prazer em DENUNCIAR erros, fraudes, heresias, ilícitos penais penalmente puníveis, mentiras, profetadas, revelagens… Mas a Sociedade quer resposta e o Ministériuo Público está investigando. Leia
.
http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/04/nota-a-imprensa/
.
http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/03/o-clamor-publico/
.
CV.

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2011/04/poder-camaleonico/#comment-12612

maranata – Sabem de uma coisa, Satanás é quem domina esta seita ICM e faz de tudo para impedir que as pessoas saiam de lá. Mas, infinitamente maior é o SENHOR DEUS DOS EXÉRCITOS, o qual tem libertado a muitos e continuará a fazê-lo.

Olá Alandati e demais irmãos, a Paz!
Alandati, estive lendo o seu comentário no qual voce classifica quatro tipos de pessoas ligadas à seita ICM. Entre elas, voce falou daqueles irmãos classificados como inocentes, humildes, desprovidos de cultura e que não sabem de nada ainda que está ocorrendo na “obra maravilhosa”. Porém, te digo que não é bem assim não. Um dia destes fiz a questão de imprimir as notícias veiculadas na internet que dão conta dos diversos crimes (em tese) praticados pela cúpula da seita ICM e entreguei a alguns parentes meus. Eles mesmos é que me haviam solicitado, pois queriam ler. São pessoas que se enquadram naquele grupo que voce classificou como inocentes, humildes, lembra? Sabe o que aconteceu? Elas nem se quer tiveram o interesse de lerem.

Sabem de uma coisa, Satanás é quem domina esta seita ICM e faz de tudo para impedir que as pessoas saiam de lá. Mas, infinitamente maior é o SENHOR DEUS DOS EXÉRCITOS, o qual tem libertado a muitos e continuará a fazê-lo.

Mudando um pouco de assunto, e aí, será que o Ministério Público do estado do Espírito Santo irá soltar uma nova Nota à Imprensa informando a sociedade sobre o resultado das investigações feitas contra os líderes da ICM? É, precisamos pressionar para que isto ocorra, caso contrário… O prazo de 90 (noventa) dias dito pelo MP para a apuração das denúncias ja se esgotou. Um abraço a todos. Fiquem na PAZ!

fonte: http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/06/desertores-quem-sao-e-onde-estao/#comment-12555